Falta de higienização no ar-condicionado de veículos traz riscos à saúde

Concessionárias já comprovam quantidade de bactérias e necessidade de fazer higienização em ar-condicionado de veículos com tecnologia batizada de acarômetro. Objetivo é conscientizar pessoas para a importância da higienização do ar-condicionado em veículos no período da revisão

Você sabia que bactéria em carros causam infecções, problemas respiratórios e até convulsões? Segundo pesquisa da Universidade Metrocamp, a existência de bactérias em veículos é extremamente prejudicial à saúde e pode causar problemas como, disenteria, rinites, micoses, infecções de urina e pulmonar e até convulsões, principalmente em crianças.

Com a segurança fragilizada, é comum andarmos com os vidros fechados e ar-condicionado ligado. Porém, o hábito não pode ser um inimigo da nossa saúde. A existência de bactérias no interior do carro fortalece a proliferação dos fungos e bactérias. Como passamos horas no trânsito aspirando o ar refrigerado pelo ar-condicionado, é extremamente importante que haja uma bio higienização profissional dos veículos e climatizadores, no mínimo de 3 em 3 meses, segundo o especialista em estética automotiva da Top Spa Car, Anderson Macena. O perigo é ainda mais agravante, quando usamos o veículo para transportar crianças, que são mais vulneráveis a problemas respiratórios.

A higienização de ar-condicionado é tão importante que em empresas tornou-se lei após a morte do Ministro das Comunicações Sério Motta, em 1998, que contraiu a bactéria Legionella, geralmente, causada pela falta de higienização em sistemas de climatização.

Além da segurança, o tempo seco e as altas temperaturas aumentam o uso dos climatizadores nos veículos e consequentemente as chances de inalar fungos e bactérias.  A Top Spa Car, franquia de estética automotiva e lava-rápidos adaptados para concessionárias, compartilha dicas para manter os veículos longes de bactérias e fala de quanto em quanto tempo é indicado uma higienização interna profissional.

Confira abaixo:

  • Troque diariamente o lixo do veículos, principalmente se houve o consumo de alimentos;
  • Tenha o hábito de passar álcool em gel nas mãos e também higienizar com pano umedecido com álcool o volante e cadeirinhas de bebês;
  • Confira regularmente, ao menos de 3 em 3 meses, a quantidade de ácaros e bactérias no interior e ar-condicionado do veículo e faça uma bio higienização completa;
  • Tenha o hábito de limpar semanalmente os tapetes dos veículos.
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here